Portal da Família ORIONITA NO BRASIL
isntitucional
Portal da Família ORIONITA NO BRASIL

ORIONE SANTO 13 ANOS

São Luis Orione, foi canonizado pelo Papa João Paulo II, hoje São João Paulo II, em 16 de maio de 2004.

Em 26 de outubro de 1980, foi beatificado pelo Papa Pio XII, que o denominou “Pai dos pobres, benfeitor da humanidade sofredora e abandonada”.

Nasceu em Pontecurone em 23 de Junho de 1872 e morreu em 12 de março de 1940, na cidade de San Remo.

No dia 16 de outubro de 1889 entrou no Seminário Diocesano de Tortona. Jovem, seminarista, dedicou-se às obras de solidariedade junto aos mais necessitados, participando da Sociedade de Socorro Mútuo São Marciano e das Conferências Vicentinas.

No dia três de Julho de 1892 abriu seu primeiro Oratório, um centro de educação cristã e de recreação para os meninos pobres, que neste ano comemora 125 anos.

Em 13 de abril de 1895, foi ordenado sacerdote,  seu lema foi “Renovar tudo em Cristo”.

Fundador da Congregação da Pequena Obra da Divina Providencia, por decisão do Papa Pio X, onde juntou-se a ele, padres e seminaristas.

Em 1903, Dom Orione recebeu a aprovação canônica aos “Filhos da Divina Providência”, Congregação Religiosa de Padres, Irmãos e Eremitas da Família da Pequena Obra da Divina Providência.

Em 29 de junho de 1915, surgiu como novo ramo a Congregação das Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade, Religiosas movidas pelo mesmo carisma fundacional.  Ao novo ramo se associaram as Irmãs Sacramentinas Adoradoras não videntes,  e algum tempo depois as Contemplativas de Jesus Crucificado.

O Pe Luís Orione se empenhou em organizar grupos Leigos: as Damas da Divina Providência, os Ex-Alunos  e os Amigos. Nos anos seguintes, outros grupos foram constituídos como o Instituto Secular Orionita — ISO e o amplo leque de Associações do Movimento Laical Orionita — MLO.

Depois da primeira Grande Guerra (1914-1918) multiplicaram-se as escolas, colégios, colônias agrícolas, obras caritativas e sociais. Entre as muita obras, as mais características são os Pequenos Cotolengos, instituições destinadas aos mais sofredores e abandonados, localizadas nas periferias das grandes cidades, para serem novos púlpitos anunciarem Jesus Cristo e sua Igreja e para serem faróis de fé e de civilização.

O zelo missionário de Dom Orione cedo se manifestou com o envio de Missionários ao Brasil em 1913 e, em seguida à Argentina e ao Uruguai (1921), à Palestina (1921), à Polônia (1923), a Rodes (1925), aos Estados Unidos (1934), à Inglaterra (1935) e à Albânia (1936). Dom Orione esteve pessoalmente como missionário, duas vezes, na América Latina: em 1921 e nos anos de 1934 a 1937, no Brasil, na Argentina e no Uruguai, tendo chegado até ao Chile.

 

São Luís Orione, Rogai por nós !!!

 

 

 

    

Envie seu comentário
Nome
Email (não será exibido no site)
Site (http://)
Mensagem

"Fazer o bem sempre,

o bem a todos e o

mal nunca e a ninguém"

São Luís Orione

Mais do Orionitas no Brasil

 

Orionita Brasil nas Redes Sociais
 
 .     

Copyright © Orionitas Brasil na Web